5 Habilidades Sociais dos Jogadores de Poker

  • Tips
  • Escrito por Evi
  • Postado em 31 de março de 2022
INÍCIO » Tips » 5 Habilidades Sociais dos Jogadores de Poker

Aqui você pode jogar poker online:

Se você realmente quer ficar bom nisso jogo de cassino poker, você deve ter algumas características. As habilidades sociais são apenas um dos muitos atributos necessários para ficar bom no poker. Quais habilidades sociais são importantes para jogar bem o poker?

O pôquer continua sendo um jogo de azar, é claro, mas o pôquer é um dos poucos jogos de azar em que você pode realmente ser bom. Com certas estratégias, você pode limitar suas perdas ou obter mais lucro.

De que habilidades sociais estamos falando então?

Vários fatores foram examinados em um estudo. Estes se relacionam com a experiência, habilidades estatísticas e quantitativas, demografia e inteligência geral. Esses fatores juntos também podem ser chamados de habilidades sociais e inteligência social.

A inteligência social é claramente diferente da inteligência geral. E desempenha um papel importante na equação quando olhamos para os melhores jogadores de poker. Ler uma situação social é uma das partes mais importantes das habilidades de pôquer de um jogador.

O que é muito importante com isso é que, como jogador de pôquer, você pode ler as expressões faciais, linguagem corporal e entonações de outros jogadores. Essas habilidades são difíceis de dominar. Especialmente quando um jogador é bom em blefar.

Vamos agora nomear as cinco habilidades sociais. Quando você dominar estes, você terá uma chance melhor de ganhar.

    1. Habilidades interpessoais e escuta ativa

    Os jogadores estão na mesma sala – física ou casino online – quando jogam pôquer. As mesmas fichas, mesas e cartas são usadas por todos na liga, esperando vantagens pessoais. Se o poker for visto como um sistema fechado, as entradas, rendimentos e saídas estão todos na mesa.

    Quem é deficiente em habilidades interpessoais não será capaz de apreciar a realidade à mesa. A capacidade de conversar para aliviar o clima durante o jogo tenso, ou deliberadamente expulsar outros jogadores do jogo é fundamental no poker.

    Para jogadores que lutam com habilidades interpessoais e escuta ativa, fica cada vez mais difícil se comunicar com outros jogadores nas mesas, quanto mais tomar as decisões certas no jogo de pôquer.

    2. Manhã de resolução de problemas

    O pôquer é único porque a solução de problemas deve ser gerenciada de maneira diferente do que em um ambiente social típico. No poker, os jogadores estão constantemente calculando estatísticas e probabilidades. E eles tentam gerenciar suposições com base em uma combinação de fatos e intuição.

    Já que você não pode suportar seu coração e pedir ajuda a outros jogadores quando está em uma bad beat, você tem que resolver os problemas sozinho. Isso prova ser um desafio intransponível para muitos jogadores com falta de habilidades sociais. Suas habilidades de resolução de problemas exigem que você use as informações disponíveis à sua disposição (variáveis ​​conhecidas e desconhecidas) para tomar as melhores decisões.

    No pôquer, as melhores decisões são aquelas que mantêm seu bankroll ativo quando a variância está contra você. Ou que te levam à vitória quando os deuses do poker estão do seu lado. Alguns jogadores de pôquer prosperam em situações sociais em que ficam de costas para a parede; outras dobre a mão.

    Jogadores de pôquer experientes usam uma variedade de técnicas psicológicas para induzi-lo a questionar a si mesmo e suas decisões. Sua capacidade de resolver problemas e entender as realidades da mesa será útil durante suas sessões de poker.

    3. Gestão de relacionamento

    A gestão de relacionamentos é tanto uma questão de inteligência emocional quanto uma habilidade social. A gestão de relacionamentos é um dos quatro pilares da inteligência emocional – os outros são consciência social, autoconsciência e autogestão.

    Costumávamos ser ensinados a manter nossas emoções sob controle e a não surtar tomando decisões baseadas em emoções. Isso ainda é verdade no pôquer, mas podemos aproveitar as explosões emocionais de outros jogadores na mesa enquanto controlamos nossas próprias emoções. A psicologia por trás disso mudou nos últimos anos.

    As pessoas agora são encorajadas a se expressar e se comportar de uma maneira menos inibitória. No entanto, estamos em desacordo com essa mentalidade da nova era no poker. Quanto menos clareza você irradia, menos você é compreendido. Isso nos leva a um ponto importante: você quer ser visto como um enigma entre seus colegas jogadores e corre o risco de ser excluído da vida social? Exclamações, risadas e lamentos são comuns nos torneios de poker nos dias de hoje. Se alguma dessas palavras soa estranha para você, é provável que você prefira manter distância do que integrar.

    A gestão de relacionamento leva tempo para ser construída. Você deve conhecer seu oponente. Você tem que entender o que impulsiona seu oponente. O pôquer também nos ensina quanto esforço devemos colocar na construção de relacionamentos com nossos olhos no prêmio final – que é o grande prêmio.

    4. Comunicação eficaz com elementos verbais e não verbais

    A comunicação com elementos verbais e não verbais é sagrada entre as 5 habilidades sociais. A comunicação verbal é fácil de explicar. É sobre as palavras que usamos quando expressamos nossos sentimentos à mesa.

    Os elementos não verbais exigem uma enorme curva de aprendizado. Os melhores jogadores de poker são especialistas em esconder informações de outros jogadores. Isso é conhecido como blefe. E certamente pode ser uma ferramenta de poker poderosa quando usada com moderação e com pouca frequência.

    A comunicação não-verbal é qualquer coisa que transmita uma ideia através de outros canais que não a voz. Pense em contato visual, expressões faciais, linguagem corporal. É por isso que muitos jogadores de pôquer usam óculos escuros, bonés de beisebol, suéteres, roupas folgadas e afins. É o elemento não-verbal que é tão importante para determinar os sinais de poker.

    Os estudos mostram rotineiramente que os jogadores de pôquer mais bem-sucedidos são extremamente experientes em usar o engano por meios não-verbais. Isso é para confundir seus oponentes. Mas também para fazê-los tomar ações que os façam perder o jogo. Um jogador de pôquer desonesto pode fazer com que outros jogadores desistam de mãos perfeitamente boas. É certamente uma das habilidades sociais mais impressionantes para refinar.

    5. Empatia

    A empatia é uma habilidade social importante, mas não exatamente do mesmo ângulo que você pode pensar. Não nos importamos necessariamente se nossos oponentes perdem dinheiro e lucramos. É triste quando as pessoas perdem, mas é definitivamente mais doloroso quando perdemos.

    Empatia é a capacidade de se colocar no lugar de outra pessoa e entender como ela se sente. Se você estiver ciente disso, você sempre jogar com responsabilidade quando você se senta à mesa de pôquer.

    É imperativo que entendamos as motivações de outros jogadores para tomar certas ações para que possamos vencê-los em seu próprio jogo. Na maioria das vezes, compartilhamos os mesmos medos e aspirações. Ninguém entra em todos os jogos de pôquer para perder – isso é abnegação e absurdo.

    Os jogadores jogam para ganhar e jogam porque amam o jogo. Supondo que sejam constantes em um conjunto de variáveis ​​desconhecidas, é muito mais fácil entender a importância da empatia no jogo de pôquer.

Aproveite um bônus

Bônus de Poker grande ocf

Veja o bônus

Finalmente

Estas são algumas das habilidades sociais mais importantes necessárias para jogar poker. Do ponto de vista psicológico, há muitos outros elementos a serem considerados. A maioria dos quais começa com uma avaliação completa de nossos próprios medos, aspirações, pontos fortes e fracos.